Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




CONTRABALANÇAR PROMESSAS COM PROMESSAS

por BENFICA365, em 04.12.14

Já não chega de demasiadas promessas sobre a formação ultimamente? Quase que são diárias.

 

Ainda me lembro de uma pomposa conferência de imprensa com Rui Costa ao centro acompanhado de alguns jovens da nossa formação, Miguel Rosa, Ruben Pinto, David Simão e Nelson Oliveira. Seriam estes o futuro do Benfica e irremedialvelmente o caminho a seguir, o futuro passaria pela "oficina Seixal"...onde andam estes rapazes(?), e se realmente o futuro passasse por estes onde estaria o Benfica desportivamente?

 

Desta vez, "espalha" o presidente do Benfica que na próxima época quatro ou cinco jogadores integrarão o plantel principal, sendo este processo irreversível. È logo à grande, quatro ou cinco!

Até aqui tudo normal. No Benfica é mesmo assim, quando se faz é sempre pela grande.

 

Defendo a formação e estou ao lado do presidente.

E sinceramente desejo  que não seja (mais uma vez) pura demagogia. 

Desejo ver mais gente made in seixal no plantel principal, porque o ciclo dos últimos 20 anos (pós Rui Costa ) tem que ser invertido. E tudo indica que sim, basta ver as presenças dos nossos jovens nas selecções nacionais, os títulos alcançados dentro e fora de portas, sabiamente afirmo que estamos a trabalhar bem, ao nível dos melhores.

No entanto, temos ainda falhas  e cito o Blog http://ontemvi-tenoestadiodaluz.blogspot.pt: «...Os dirigentes não percebem o enquadramento competitivo em que estes jovens devem ser inseridos, não sabem que acompanhamento deve ser dado quando são emprestados e não entendem a que clubes ou que tipo de equipas devem acolher estes jogadores nos seus empréstimos.»  

Ao melhorarmos e ao trabalharmos de maneira mais eficiente, particularmente neste aspecto, acredito que o rácio de aproveitamento destes jovens para a equipa principal possa substencialmente subir.

 

Mas não tenho ilusões, entendo que a formação é apenas um válido complemento/meio para servir ou abastecer a equipa principal, mas não deverá ser o único. Só a formação nunca será suficiente, basta ver o vizinho Sporting. ( Por vezes tenho pena de não ver o Sporting com mais jogadores da formação. Acredito que estariam ainda mais para baixo, para  contentamento meu ...)

De um vasto rol de jogadores só vejo um, máximo dois com potencial para afirmar-se na primeira equipa, na equipa titular e mais dois ou três para integrar o plantel. E se época após época surgir "apenas" um com enorme potencial é brilhante, não podemos viver iludidos que da formação ano após anos sairão fornalhas de jogadores capazes de servir a equipa principal. Basta ver os quatro do 1º parágrafo,  era só  maravilhas. No entanto apenas nem dois anos se passaram...e é o que se sabe, e o que se vê. 

È legitimo pelo menos reflectirmos e questionarmos se o triplete era alcançado com eles no plantel.?

 

Claro que também existe legitimidade numa realidade inversa, i.é. Tiago Bebé, Jara, Luis Felipe e outros que fecham oportunidades aos nossos jovens.

Apesar de desejar mais "gente seixal" no plantel principal, de  reconhecer que o G.Guedes e Bernardo Silva estão na linha da frente face a outros ainda não serão titulares de caras para a próxima época (a não ser que soframos uma razia). O principal objectivo do Benfica nunca poderá ser hipotecado à partida só porque temos que dizer sim à formação...ou ainda por desejos ou imposição dos dirigentes.

Porque no final eu quero é que o Benfica ganhe títulos, a aposta é sempre nos melhores independentemente se são ou não da formação. Apenas defendo os melhores, sejam eles da formação, do Vietman ou do Camboja.  Nem o mais acérrimo lagarto defensor da formação optaria por defender um Saleiro ou Betinho por troca com um Slimani. Quero é o Benfica campeão, com craques e operários sejam eles formados ou recrutados, sejam eles portugueses ou não portugueses,  quero é ganhar com os melhores jogadores!

 

Quem promete(u) títulos como Luis Filipe Vieira assim o fez e disse, quem promete(u) uma equipa que todos os benfiquistas se iriam orgulhar, como Luis Filipe Vieira assim o fez e disse, quem promete(u) aposta na formação como Luis filipe Vieira assim o disse,  tem ou deve saber dosear e contrabalançar essas promessas de modo a torná-las compatíveis e exequíveis e interligadas/dependentes umas das outras.

Luis Filipe Vieira não pode impor a formação ao seu treinador como o grosso, como tábua de salvação da sua (nova) estratégia desportiva , Luis Filipe Vieira deve sim dotar o Benfica de um plantel capaz de lutar e alcançar títulos.

Todo o trabalho de formação,  de scouting, olheiros, recrutamento, contratações  feito pelo Benfica está a ser globalmente positivo  nos últimos anos. E todo o sucesso que temos alcançado é refém desse mesmo trabalho.

Força e genica Presidente!

 

Eternamente Sport Lisboa e Benfica

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:47



Dobradinha 2016/2017


26ª Taça de Portugal


Tetracampeões


TRICAMPEÕES


BICAMPEÕES


Triplete


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D



Links

UNIVERSO BENFIQUISTA

  •