Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




QUAL É O SEGREDO COUCEIRO?

por BENFICA365, em 20.03.17

Sadinos roubaram esta época 5 pontos ao Benfica e 4 ao grémio frutanheiro... E não é um acaso!

 

Esta época as duas equipas envolvidas na luta pelo título nacional não ganharam nenhum dos respectivos dois jogos frente ao Vitória de Setúbal. Frente ao Benfica, empate na Luz e vitória no Bonfim, e dois empates nos embates frente aos de contumil. (... e até eliminou o rival do lumiar da Taça da Liga)

Quatro jogos!!!

È o Vitória Setúbal uma equipa talhada para saquear pontos aos grandes? Qual é o segredo Couceiro?

Sendo o futebol um jogo... a sorte de uns, o azar de outros, guarda-redes inspirados, avançados azarados, postes amigos, etc... existiram nestes quatro jogos alguns padrões e "influências externas" de nível baixissimo, aos quais o Vitória de Setúbal recorreu e também foi protegido pelos quais não posso defendê-los e muito menos elogiá-los .

 

Em primeiro lugar o anti-jogo! Sem jogar futebol! Ordens caricatas para não jogar e não deixar jogar e ordens anti- desportivas!

Não posso brindar a este tipo de jogos,  ou a estas "artificiais" práticas. Quer seja para o bem, quer seja para o mal. Quer seja para o Benfica, quer seja para outras agremiações.

Não quero vender a utopia do futebol positivo, ambas as equipas procurando a vitória, o básico da bola e do futebol, a procura, a busca constante pelo golo. Embora não tenha apego pela cultura do pontinho, compreendo a estratégia defensiva das chamadas equipas não favoritas e de quem as orienta. Agora uma coisa é planejar uma ideia de jogo, cautelosa encorporada num sistema defensivo rigoroso e sólido... defender bem em primeiro lugar, e depois num golpe de sorte, sacar alguma coisa positiva, e outra coisa é isto tudo, mas recorrendo à mascarada prática do anti-jogo e do antidesportivismo.

 

Sinceramente e repito para o bem e para o mal, a exemplo o jogo de ontem... entendo que 12 minutos de tempo adicional ( 5m 1ªparte + 7m 2ª parte) foram muito pouco tempo de desconto. Protegeu-se quem praticou anti-jogo.

A minha decência reconhece que aquilo que o Vitória de Setúbal fez ontem no ladrão, e fez anteriormente com o Benfica foi uma autêntica nojentice! Para o bem e para o mal não posso amparar esta nojentice.

A nojentice que tenho pelo grémio de contumil, jamais poderá ser superior ou atropelar o fair-play, os principios de e para o desporto, neste caso particular o futebol, que eu tanto admiro.

 

Em segundo lugar, o camarada árbitro.

Conivente com a prática do anti-jogo, e por azar com influência directa no resultado final. Em lances capitais e aqui o Vitória de Setúbal não tem culpa, a asnice do árbitro favoreceu-lhes.

A verdade é que sem estes Extra seis pontos, quem de 31 pontos tira 6!..., o V. Setúbal estaria ao alcance de um Estoril com 22 pontos e embrulhado na luta pela manutenção com, Moreirense, Tondela e Nacional.

 

È isto que eu vejo camuflado de ou com elogio. Um pouco por toda a parte.

Sadinos roubaram esta época 5 pontos ao Benfica e 4 ao grémio frutanheiro... E não é um acaso!

Não posso concordar com este elogio, não concordo em "premiar" o anti-jogo e a não verdade desportiva.

Não posso concordar com o zênite a um treinador e ao seu trabalho, e até à equipa, quando as ordens/ ideias são a sua equipa não jogar futebol, são não deixar as outras equipas jogar futebol através de caricatas e reles formas de anti-jogo; anti desportivismo.

Não posso premiar com mérito quando terceiros (e volto a repetir aqui nem Couceiro nem o Vitória de Setúbal são culpados disso) têm influência directa nesse mesmo mérito.

Eu como adepto de futebol não posso louvar ou tecer rasgados elogios e competência a Couceiro, (pelo menos) nestes quatro jogos.

 

Eternamente Sport Lisboa e Benfica

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:40


8 comentários

De Pinheirinho a 20.03.2017 às 15:15

O Futebol é feito de isto, todos nós defendemos o futebol espectáculo, o futebol do jogo pelo jogo de parada e resposta, puro simples.
Infelizmente esse futebol não existe em portugal, não porque não o saibam fazer, mas porque não os deixam, O futebol é cada vez mais um completo desequilibro, entre grandes e pequenos, há clubes grande que manipulam a verdade desportiva, desvirtuam-na impedindo que outras equipas sejam mais fortes, mais equilibradas, esses desequilíbrios levam a que as equipas joguem com as suas armas, bloco baixo, mais defensivo, a fechar espaços e a procurar um rasgo de contra ataque.
Existisse equilíbrios nas equipas do nosso campeonato, por exemplo, não desperdiçando centenas de jovens todos os anos retirando-os às suas equipas ainda novos e dispensando-os 2 anos depois, levando a que muito futuro fique pelo caminho, não aproveitarem melhor as fornadas de miúdos formados nos chamados 3 grandes para reforço das equipas, porque saem das mesmas com ideias de grandeza desperdiçando talentos em campeonatos secundários, mas com melhores ordenados.
Para ternos um melhor futebol, equipas a jogar o jogo pelo jogo teríamos de tomar medidas drásticas a nível interno.
- Os direitos televisivos deviam de ser em pacote, num rácio de 50% do valor a ser distribuído de acordo com a classificação final e o outros 50% de acordo com as audiências, dessa forma os clubes teriam além de mais dinheiro, teriam também mais vontade de lutar por lugares na tabela e não preocupados apenas em fazer 31 pontos(numero de pontos necessários para não se descer em portugal).
- Campeonato de equipas B para todas as equipas da primeira e segunda liga, se haviam mais dinheiro era também uma forma de precaverem o futuro, sendo obrigados dessa forma a terem juniores e sub21 de qualidade, dando-lhes rodagem e dessa forma aproveitando melhoras suas qualidades para integração nos planteis principais.
- Criação de mais cursos de treinadores, principalmente para todos os treinadores do futebol amador, dando-lhes também formação especifica nas áreas da formação, não imaginam a quantidade de talentos desperdiçados pela limitação dos treinadores, são cursos demasiado caros para quem não recebe nada em troca.
e por aqui me fico que isto já parece a biblia.

De BENFICA365 a 20.03.2017 às 15:33

Meu Caro:
È a enorme volta que os Faraós que pastam e infestam o futebol nacional não está disposta a dar.
Eles preferem cantar vivas e perpetuar os poderes instalados, porque de migalha em migalha vão enchendo os seus potes pessoais de fortuna.

Saudações Gloriosas.

De Pinheirinho a 20.03.2017 às 16:22

à uns anos, numa das muitas das noticias nunca investigadas por digníssimos jornalistas deste nosso país de homens destomatados,
Falava-se de uma forma de condicionamento dos clubes pequenos na forma de pagamentos a pronto ou faseados.
ou seja a oliverdesportos pagava a pronto ou de forma faseada os direitos televisivos de acordo com a forma como as equipas criavam auto estradas para certos clubes e bloqueavam o caminho para as suas balizas contra outra equipa.
na altura o presidente da liga era um tal de Mário que abdicou depois de ter sido abalroado por um carro numa rotunda.
Esse sr Mário queria a todo o custo acabar com isso e centralizar os direitos televisivos, de forma a todos serem pagos de forma justa e a horas,
o presidente seguinte ganhou com o apoio dessa mesma equipa azul e branca de forma a que esquecesse essa ideia, mas o duque que lá colocaram pensava da mesma forma que o Mário, então tiveram de chamar à pressa um tal de proença e derrubaram o duque depois de uma reunião numa bomba de gasolina.
a chulisse continua, neste momento temo pelas contas do setubal, lembro que em 35 anos o setubal nunca ganhou ao porto em casa, este ano empatou 2 vezes, a última vez que empatou no dragão o treinador era um tal de manel, podia ter ganho, mas o árbitro mandou repetir o pénalti do setubal até que o jogador falhasse.
nesse ano o setubal safou-se da descida por um ponto.

De BENFICA365 a 20.03.2017 às 16:43

O "boato" do compadrio entre o grémio frutanheiro, a sporkos tv e alguns clubes prostituídos era demasiado pornográfico e palpável que bastava alguém de direito ou com poder legitimado fosse digno, sério, e com TOMATES para entender que de boato isso não tinha nada e actua-se em conformidade.
O dinheiro trazia a felicidade aos pequenos e assim o grémio azul e sporkos controlavam e mantinham os pequenos garantindo títulos atrás de títulos.
Mas infelizmente a prostituição também espalhou-se pelo jornalismo, pela policia, pela justiça, pela politica, etc.

Saudações Gloriosas!

De Anónimo a 20.03.2017 às 14:59

deverias ser serio nos comentarios!
Não sabes nada do que é o jogo

De BENFICA365 a 20.03.2017 às 15:22

De todas as coisas sérias, a "tribo" do futebol é a mais cómica.
Se não é sério pelo menos ri!

De A.Reis a 20.03.2017 às 18:39

está a falar de seriedade (honestidade) ou de risota?
só para saber ,é que estou um pouco esclerosado
A.Reis

De A.Reis a 20.03.2017 às 18:41

estou a perguntar ao anónimo das 14:59
A.Reis

Comentar post



Dobradinha 2016/2017


26ª Taça de Portugal


Tetracampeões


TRICAMPEÕES


BICAMPEÕES


Triplete


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D



Links

UNIVERSO BENFIQUISTA

  •