Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




PLAGIADOR INFAME

por BENFICA365, em 20.10.15

Cópia é plágio, plágio é roubo de ideias, plágio é infâmia, plágio é corrupção infame! in http://anticolonial21.blogspot.pt

 

Especializado em ocultar as verdades inconvinientes do seu grémio corrupto, o plagiador infame hoje num jornaleco qualquer gatafunhou: « O Boavista desceu por fazer ofertas aos árbitros».  (A piadinha normal a marrar contra o vermelho)

Concordo, aqui o plagiador infame é demasiado dono da verdade, mas não de toda a verdade!

Num atentado à memória de quem por aqui já vagueia a alguns anos a observar o futebol nacional, o plagiador infame esqueceu-se...  talvez tenha emborcado alguma garrafa de whisky, de contar toda a história: a dos corruptos  assumidos.

Se não foi por ter emborcado uma ou mais garrafas de whisky foi talvez por inércia, preguiça ou cobardia que o plagiador infame, teve a sua branca e não gatafunhou a história toda, repito-me num verdadeiro atentado à memória dos adeptos e à historia do futebol português dos últimos 30 anos. È pena também que as gerações vindouras não tomem conhecimento de toda a história: a dos corruptos  assumidos,  através de um dos raros espíritos verdadeiramente livres a exprimirem-se publicamente em Portugal.

 

Se o próprio plagiador infame com a sua cultura literária impossível de ser medida,  enredasse toda a história : O "Apito Dourado", os árbitros favorecendo sempre o seu grémio e prejudicando invariavelmente o Sport Lisboa e Benfica teria outra amplitude, outra grandiosidade do que simples consultas "youtubeanas" e não só. E as novas gerações ficariam com uma monstruosa obra literária disponível sobre o cadastro do grémio corrupto de contumil, e a quem agiu como agiu em conveniência e benefício desse cadastro, assim como benefício próprio ou de  grémiozinhos, muitos deles hoje em dia extintos.

A falsificação de documentos, registos, falsificação de resultados, a combinação de resultados, castigos comprados e reduzidos, agência cosmos, conselhos matrimoniais, fruta com "Pê", calor da noite, arbitragens encomendadas, clubes prostituidos, guarda abel, ameaças patrimoniais e fisicas, policia e justiça submissa, fugas para Compostela,  e mais e mais... está tudo disponível, é só plagiar.

 

Eternamente Sport Lisboa e Benfica

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00


1 comentário

De CHAKRAINDIGO a 20.10.2015 às 17:48

SÓ PARA CONHECIMENTO DE QUEM NÃO SABE, SEGUE UMA EXPLICAÇÃO DO PORQUÊ DE SER PLÁGIO.

“Luís Bernardo Valença, instalado confortavelmente num assento de uma carruagem de 1ª Classe, recosta-se e observa a paisagem alentejana ao mesmo tempo que vai rememorando as circunstâncias desta sua inesperada viagem. Estava em Lisboa e foi chamado a Vila Viçosa, ao palácio real, onde será convidado a assumir uma função absolutamente inesperada: a de Governador de S. Tomé.” (“Equador”)

“Louis Francis Mountbatten, instalado confortavelmente no assento de um automóvel, recosta-se e observa a paisagem londrina ao mesmo tempo que vai rememorando as circunstâncias desta sua inesperada viagem. Estava em Zurique e foi chamado a Downing Street, residência do Primeiro-Ministro, onde será convidado a assumir uma função absolutamente inesperada: a de último Vice-Rei da Índia.
Ambos são jovens bem parecidos com ambições e consideram absurdas as propostas que lhes são apresentadas.” (“Freedom at Midnight”)

Assim se iniciam os livros «Equador», de Miguel Sousa Tavares, e «Freedom at Midnight», de Dominique Lapierre e Larry Collins. Sousa Tavares, na bibliografia publicada nas últimas páginas notifica a consulta de La Pierre, Dominique e Collins, Larry – «Cette nuit la liberté», Éditions Robert Laffont, Paris 1975.

As parecenças poderiam ficar por aqui. Mas não ficam. Quem lê a forma como os livros se desenvolvem nota a olho nu variadíssimos pontos comuns. Não só de construção como até de linguagem.

Uma observação mais atenta dá-nos conta de que há parágrafos inteiros que foram pura e simplesmente traduzidos, quase ao pormenor. Outros tiveram uns pequeninos toques: ligeiras alterações de nomes ou de números.

Assim se constituem as fraudes.

Comentar post



Dobradinha 2016/2017


26ª Taça de Portugal


Tetracampeões


TRICAMPEÕES


BICAMPEÕES


Triplete


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D



Links

UNIVERSO BENFIQUISTA

  •