Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Fraco rei, faz fraca a forte gente!

 

No futebol é cada vez menos espaço para milagres! É fácil criticar, mas quem não consegue colocar a equipa a jogar, ao fim de dois meses...e não me ceguem com a treta do tempo ou dêem-lhe tempo. Já chega! Não vejo evolução! Está tudo na mesma, neste momento o Benfica é carente em tudo: não tem segurança defensiva vale-nos Júlio César assim como na pré época, processo ofensivo deficitário e lento. A bola circula, circula, anda de um lado para o outro, para trás e para frente e novamente para trás, tudo isto entre a defesa e o meio campo sem grandes ideias, sem grandes avanços, sem velocidade. Qual é o objectivo de tudo isto?  E a finalização está pobre, muitos tiros de pólvora seca. Qualidade ofensiva?  Só no nome dos jogadores,  quantos jogos sem marcar um único golo?... Em três jogos a sério é o segundo nulo...O Benfica é trapalhão, "é individualista", não tem arte, não tem chama, não tem garra ou apenas dispõe desses predicados em perigos fugazes do encontro.  Os últimos 10 minutos da 1ª parte por exemplo.  Em contraste que merda de entrada no início da 2ª parte!' Tudo o mundo lento e parado e trapalhão!

 

A época não acabou hoje, mas tão forte gente, tão forte onda vermelha no apoio à equipa não merecia/merece a postura de um fraco rei. Não merecia sair dali sem festejar golos / vitória!

Para já não está fácil de acreditar no rei, faltar-lhe-á estofo? Carisma?

Sinto não existe empatia entre ele e os adeptos, talvez a culpa não seja só do Rui Vitória, muitos de nós parece que queremos continuar ligados ao passado, ao antigo técnico...Os jogadores, estes parecem-me distantes das ideias do seu treinador, as ideias parecem que ficam no balneário ou simplesmente não estão a passar.

Mas porra Rui Vitória já era tempo para estarmos melhorzinhos!!! È preciso dar corda, muita corda!!!

 

Agora que já bati o suficiente no nosso treinador, vou começar a bater no principal responsável pela perda de pontos frente ao Arouca - o Boi nuno almeida. Um penalty claro sobre Mitroglou por assinalar ainda na primeira parte e o golo invalidado sem razões para tal ao Jonas no último lance do desafio.

Valha-nos a verdade, com estes Bois do apito, não há Rei que se safe!

 

Eternamente Sport Lisboa e Benfica

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:15


9 comentários

De Admirador do Isaías a 24.08.2015 às 09:59

Caro Benfica365,

Rui Victória é um tipo correcto, que não tem medo de apostar nos jovens a quem reconhece qualidade e tem de facto bom olho para identificar essa qualidade.

Contudo, seria um excelente treinador para o Benfica B, não para a equipa principal. À equipa falta somente isto: que digam a cada jogador o que pode fazer e não fazer e que posições pode ou não preencher em campo em cada momento de jogo.
Das duas uma: ou Rui Victória não sabe e por isso não o faz, ou Rui Vitória sabe, fá-lo, mas não consegue chegar aos jogadores - o que pode ter a haver com a sua personalidade.

Uma coisa é certa: seja com Rui Victória ou outro treinador, há que fechar, de vez, as comparações com o anterior treinador. Já sabe a minha opinião acerca da saída do anterior técnico, mas é do Benfica que se trata e, por isso, há que acabar com as personalizações. Nem o Eusébio é maior que o clube e ele sabia-o.

Abraço,
Isaías

De Anónimo a 24.08.2015 às 10:34

Caro Isaías,

O problema é que o próprio Rui Vitória se põe a jeito para as comparações. O futebol do benfica neste momento nem é o de JJ nem o dele. O benfica tenta jogar de forma parecida com a dos anos anteriores, só que o ideal de jogo do treinador é completamente diferente. Cada treinador tem o seu próprio "jogar" e os seus próprios métodos para o pôr em prática, e o Rui Vitória tem que decidir de uma vez por todas qual o "jogar" que pretende no Benfica. Não se pode querer um modelo à JJ e depois tentar um jogo assente na posse de bola para o lado e para trás. Ontem não me lembro de ter visto uma transição rápida na equipa do benfica por exemplo. Na pressão há jogadores que têm a bola e o espaço como referência e outros que parecem ter o homem. Ou uma coisa ou outra.

De Admirador do Isaías a 24.08.2015 às 10:41

Caro Anónimo,

Sim, tem razão, Rui Victória não está a implementar o seu modelo favorito e o que melhor sabe trabalhar e está habituado a treinar. No entanto, deixo a pergunta: será que o modelo favorito do Rui Vitória serve para clube grande? Será que serve para o Benfica? É uma questão, apenas, mas que poderá explicar o motivo de Rui Victória o estar a evitar.

Pela parte que me toca, ele que o tente, o tal 4-3-3 (ora com dois ofensivos, ora com dois defensivos, no meio campo), pois penso que qualquer modelo funcional é melhor que um plano mal elaborado.

Concordamos, sim.

Abraço,
Isaías

De Anónimo a 24.08.2015 às 11:00

Na minha opinião, a questão não está em jogar em 4-3-3 ou 4-4-2 ou 4-2-3-1, etc. A questão é: Que benfica é que ele quer? um benfica a fazer posse de bola, e a tentar cansar o adversário? um benfica a pressionar alto para ganhar logo a bola e lançar em passes de ruptura? um benfica a baixar as linhas de vez em quando para depois partir em transições rápidas? O sistema que ele depois utiliza é que tem que se adaptar a esta forma de jogar e aos jogadores que tem. Ele tem jogadores para jogar com o sitema tático que quiser, mas se o jogadores não tiverem bem presente quais as dinâmicas que ele quer imprimir na equipa não há 4-3-3 ou 4-4-2 que nos valha.

De Admirador do Isaías a 24.08.2015 às 11:57

Caro Anónimo,

Sim, claro. Ainda assim, o tipo de pressão, a forma de defender e atacar dependem muito do sistema táctico e posicional a montar. No entanto, aponta, e bem, que primeiro há que definir o que se quer. Eu acho que a ideia de jogo que parece (repito, parece) que ele quer implementar, é jogo de posse. O problema é que isso só serve (se for bem feito), para ligas onde se joga à bola, sem autocarros e se executado com uma rapidez que pressupõem capacidades técnicas muito elevadas em toda a equipa.

Na minha opinião (e só desejo que o próprio me faça mudar de opinião!), Rui Victória não tem é pulso, mão firme, para um clube deste nível. Nada tem a haver com saber ou não saber de bola. Tem a haver, repito, com personalidade.

Abraço!
Isaías

De Anónimo a 24.08.2015 às 13:03

Caro Isaías,

Não consigo perceber se é falta de pulso ou não, parece-me que os jogadores até estão empenhados, só que...estão perdidos por não saberem o que fazer em campo. Voltando à tática, o Benfica não tem jogadores com qualidade técnica para jogar a um ou dois toques e com movimentações rápidas ? Parece-me que sim, mas isso pede treino, muito treino.

De BENFICA365 a 24.08.2015 às 10:59

Caro Isaías:

Ainda estou tão fodido, tão fodido que isto ainda vai demorar muito tempo a passar... para já o meu discernimento não é dos melhores e não querendo ser injusto para nenhum Benfiquista e principalmente para consigo digo-lhe que eu concordo com todos os Benfiquistas.
Na "dor" todos temos o nosso quinhão de razão!
Prezo muito os seus argumentos (os do anónimo também)...só não tolero o argumento dêem-lhe tempo!
Até dias melhores meu caro Isaías! Passe sempre pelo meu tasco.

Saudações Gloriosas!

De Admirador do Isaías a 24.08.2015 às 11:59

Caro Benfica365,

Juntos nas vitórias e nas derrotas!
Juntos nas alegrias e nas tristezas!

Esencialmente, nunca indiferentes :-)

Abraço!
Isaías

De Anónimo a 24.08.2015 às 08:36

Uma vitória em 8 jogos. Quem ganhava era a "estrutura", não era? Era, era.

Comentar post



Dobradinha 2016/2017


26ª Taça de Portugal


Tetracampeões


TRICAMPEÕES


BICAMPEÕES


Triplete


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D



Links

UNIVERSO BENFIQUISTA

  •